Cérebro alterado por cafeína no útero



Eles encontraram mudanças claras na forma como as faixas de substância branca – que formam conexões entre as regiões cerebrais – foram organizadas em crianças cujas mães relataram ter consumido cafeína durante a gravidez


Um novo estudo vincula o consumo de cafeína durante a gravidez a mudanças em importantes vias cerebrais que ajudam a regular o comportamento em crianças.

Novas pesquisas descobrem que a cafeína consumida durante a gravidez pode mudar vias cerebrais importantes que podem levar a problemas comportamentais mais tarde na vida. Pesquisadores do Instituto Del Monte de Neurociência do Centro Médico da Universidade de Rochester (URMC) analisaram milhares de imagens cerebrais de crianças de nove e dez anos, e revelaram alterações na estrutura cerebral em crianças que foram expostas à cafeína no útero.

"Esses são tipos de