De Psicopatas a 'Sádicos cotidianos': Por que os humanos prejudicam os inofensivos?



Pesquisadores investigam por que algumas pessoas se divertem em machucar pessoas mais vulneráveis.

Por que alguns humanos são cruéis com pessoas que nem sequer representam uma ameaça para eles – às vezes até mesmo seus próprios filhos? De onde vem esse comportamento e de que serve?

Os humanos são a glória e a escória do universo, concluiu o filósofo francês, Blaise Pascal,em 1658. Pouco mudou. Nós amamos e detestamos; nós ajudamos e prejudicamos; estendemos a mão e enfiamos na faca.