Quase um milhão assinam petição do LifeSite contra a vacinação contra o CV19 obrigatório




17 de maio de 2021

A petição do LifeSite que rejeita a vacinação contra o coronavírus obrigatório foi assinada quase um milhão de vezes desde o seu lançamento em maio passado.

"Pessoas de boa vontade podem discordar sobre a segurança, eficácia e implicações religiosas de uma nova vacina para o coronavírus", afirma a petição, antes de afirmar que "todos podem concordar", no entanto, que nenhum nível de governo deve vacinar à força adultos, ou vacinar menores contra a vontade de seus pais ou responsáveis.

"Cidadãos involuntários não devem ser usados como cobaias para ideólogos de novas ordens mundiais, ou 'Big Pharma', em busca de uma vacina (e, lucros) que pode nem mesmo proteger contra futuras cepas mutantes do coronavírus", afirma a petição. As pessoas também não podem ser forçadas a receber vacinas produzidas usando células derivadas de bebês abortados, pois essa técnica é gravemente imoral.

Em abril de 2021, a CNBC lançou um segmento argumentando que estados, cidades e empregadores podem forçar os cidadão