top of page

Dor lombar: Causas e tratamento




O que é dor lombar?

"Dor lombar", que pode ser aguda ou crônica, é literalmente dor ou desconforto da região lombar inferior das costas. A dor nas costas aguda geralmente segue algum tipo de lesão, muitas vezes relacionada a atividades cotidianas, como tarefas domésticas, jardinagem, uma lesão relacionada ao esporte ou um acidente automobilístico. A dor nas costas que dura mais de três meses é classificada como crônica.

Quais são os sintomas?

Os sintomas são frequentemente descritos como dores musculares, mas podem incluir dor de tiro ou pontada, flexibilidade e amplitude de movimento limitadas ou incapacidade de ficar em pé.

Quais são as causas?

A maioria dos casos de dor lombar é devido à tensão nos ossos, músculos e ligamentos da coluna vertebral. Em alguns casos, no entanto, a dor lombar pode ser devido a condições tão graves como câncer ou problemas estruturais da coluna vertebral, o que pode causar danos nos nervos.

Ocasionalmente, a dor lombar é devido a um "disco deslizado" (também chamado de hérnia de disco), no qual um dos discos de cartilagem que separa as vértebras da coluna vertebral se projeta para fora do lugar e pressiona os nervos. Muitas vezes, um disco "escorrega" como resultado de torcer durante o levantamento, mas a causa pode não ser identificável.

Passos preventivos simples podem ajudar a eliminar dores nas costas recorrentes resultantes de mecânica corporal inadequada ou de outras causas de problemas nas costas que não resultam de lesões. Exercícios que tonificam as costas e mantêm a postura adequada são especialmente úteis. Além disso, qualquer pessoa com tendência a desenvolver dor nas costas deve aprender a levantar objetos corretamente:

· Dobre os joelhos e agache-se para pegar um objeto.

· Mantenha as costas retas.

· Segure o objeto perto do seu corpo.

· Evite torcer.

Escolher móveis e ferramentas ergonômicas em casa e no trabalho também pode ajudar a evitar tensões nas costas.

Qual é o tratamento convencional?

A maioria das dores nas costas agudas se resolverá por conta própria dentro de duas semanas sem intervenção médica. Se a dor lombar é aguda ou crônica, a maioria dos casos é inicialmente tratada com analgésicos de venda livre para reduzir o desconforto e com medicamentos anti-inflamatórios para reduzir a inflamação. Às vezes, medicamentos prescritos podem ser recomendados para alívio da dor e para permitir um sono de qualidade.

Compressas frias e quentes podem ajudar a reduzir a dor e a inflamação e permitir maior mobilidade, embora não tenham sido cientificamente comprovadas para resolver rapidamente a lesão lombar. O repouso no leito é recomendado por apenas um a dois dias, no máximo, e os pacientes são aconselhados a retomar suas atividades normais o mais rápido possível. A massagem terapêutica pode ser muito útil em casos de espasmo muscular agudo causando dor nas costas e problemas com a flexibilidade.

O exercício pode ser a melhor maneira de acelerar a recuperação e fortalecer os músculos das costas e abdominais. A fisioterapia pode ser recomendada para cepas mais graves. Nos casos mais graves que não respondem a outras formas de tratamento e que envolvem estruturas comprometidas na coluna vertebral, a cirurgia pode ser recomendada para aliviar a dor causada por problemas nas costas ou lesões musculoesqueléticas graves.


Quais terapias o Dr. Weil recomenda para dor lombar crônica?


Leia um ou ambos os livros sobre dor nas costas do Dr. John Sarno, médico e professor de medicina de reabilitação na Universidade de Nova York. Sarno acredita que a maioria das dores crônicas nas costas decorre de uma condição que ele chama de síndrome da miosite tensional (EMT). Miosite significa inflamação muscular. De acordo com Sarno, a EMT é uma combinação de espasmo muscular e inflamação decorrente de um padrão desequilibrado de sinalização nervosa para os músculos próximos e interferência no suprimento sanguíneo.

Sarno explica sua teoria em seus livros "Healing Back Pain: The Mind-Body Connection" (Warner Books, 1991) e "Mindbody Prescription: Healing the Body, Healing the Pain" (Warner Books, 1998). O tratamento que ele recomenda visa mudar os padrões de pensamento, sentimento e lidar com o estresse, todos os quais contribuíram para a dor. Você também pode tentar as seguintes abordagens:

· Pratique uma técnica de relaxamento diariamente: as opções incluem meditação mindfulness (comprovadamente para aliviar a dor crônica nas costas), trabalho de respiração, imagens guiadas, biofeedback, relaxamento muscular progressivo e hipnoterapia.

· Tente Alongamentos: Os alongamentos podem reduzir a tensão muscular, fortalecer as costas e promover a flexibilidade.

· Carroceria: Tanto a Técnica Alexander quanto o Método Feldenkrais podem mudar hábitos de postura e movimento que contribuem para a dor nas costas. Você também pode tentar Bonnie Prudden Myotherapy, que usa pressão manual para liberar a tensão muscular.

· Estimulação elétrica: A estimulação elétrica nervosa transcutânea (TENS) fornece pulsos elétricos de baixo nível para a parte inferior das costas (você pode obter um dispositivo portátil para uso doméstico). A estimulação elétrica nervosa percutânea funciona da mesma maneira, mas fornece os pulsos através de agulhas inseridas nas costas, em vez de eletrodos usados com TENS.

· Exercício: Ambos os exercícios aeróbicos e de treinamento de força podem ajudar. O exercício aeróbico inclui caminhar, nadar ou andar de bicicleta, o que pode ajudar a fortalecer as costas. O exercício aeróbico também queima calorias e ajuda a perder qualquer excesso de peso que possa contribuir para o seu problema nas costas.

Além disso, realize exercícios de treinamento de força pelo menos duas vezes por semana para tonificar e firmar os músculos abdominais, das pernas e das nádegas que ajudam a apoiar as costas. Procure instruções adequadas antes de embarcar em um programa de treinamento de força – usar pesos livres ou máquinas de peso inadequadamente pode derrotar o propósito. Certifique-se de fazer algum alongamento ou yoga para flexibilidade.

· Quiropraxia: O Dr. Weil acredita que a quiropraxia pode ser benéfica no tratamento da dor nas costas e no pescoço. Muitos quiropráticos usam um tipo de manipulação chamada "impulso dinâmico": um movimento de baixa velocidade e alta força, muitas vezes acompanhado por um som de estalo ou rachadura. Outros usam um método de baixa força e alta velocidade, conhecido como o método Ativador (incorporando uma mola de tensão e uma ferramenta de êmbolo) que pode ser uma escolha melhor para pacientes mais velhos que podem ser feridos por impulso dinâmico.

· Acupuntura: Estudos nos Estados Unidos indicam que a acupuntura pode ajudar a aliviar vários tipos de dor, incluindo dor lombar.

· Massagem: A massagem terapêutica pode fornecer resultados duradouros, e a musculação pode ajudar os pacientes a receber o máximo de benefícios do ajuste quiroprático. O trabalho de tecidos profundos, como a integração estrutural ou o Rolfing, muitas vezes pode efetivamente resolver problemas estruturais que contribuem para a dor lombar. Para encontrar um massagista qualificado, visite o site da American Massage Therapy Association.


248 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page